Associação Ministerial

União Central Brasileira

Pedido com maiúscula

É um prazer saudá-lo novamente, querido colega.
Outro sábado se aproxima. Suponho que você concorda comigo que isso é uma enorme bênção! Sim, sim. Eu reconheço que para você e para mim ele traz muitas atividades, porém, mesmo assim, segue sendo um precioso presente de Deus também para nós que somos pastores!

Aproveito para lhe perguntar se neste sábado você pudesse escolher tudo o que seu coração deseja, o que você escolheria? Vida longa? Riquezas? Ser departamental ou talvez presidente? Ser liberado dessa responsabilidade? Quando Salomão teve a oportunidade de pedir, disse: “Dá, pois, ao teu servo coração compreensivo para julgar a teu povo, […]” (1 Reis 3:9). Deus Se agradou desse pedido e lhe deu não apenas grande sabedoria, mas também riquezas e honras.

O pedido de Eliseu foi similar. Pediu que lhe fosse concedida porção dobrada do Espírito que havia descido sobre Elias. Ele poderia ter pedido honra mundana e que seu nome figurasse entre os grandes da terra. Mas compreendeu que nada, a não ser o Espírito de Deus, poderia capacitá-lo para sua grande tarefa como sucessor de Elias. Havia visto seu predecessor manter-se intrepidamente ao lado da justiça. Havia visto sua fé vindicada sobre o monte Carmelo. Ele o havia visto iniciar um poderoso reavivamento no país. Sabia que essa obra deveria ser levada avante com êxito, assim ele necessitava ser tomado pelo Espírito Santo. Por isso pediu porção dobrada do poder com que Elias fora investido.

Pergunto, não é essa também a sua e a minha necessidade hoje? Estimado colega, você pensou o que poderia ser realizado se o Espírito Santo fosse derramado abundantemente no seu e no meu coração? Teríamos capacidade especial para discernir entre o bem e o mal, para vencer o pecado e para testemunhar de Cristo. “Essa prometida bênção, reclamada pela fé, traz após si todas as outras bênçãos.” (DTN, p. 672)

Estou certo de que não vemos uma maior medida do Espírito Santo em nossa vida porque queremos dirigir a nós mesmos.

Unicamente se esperarmos humildemente em Deus e se estivermos dispostos a permitir Sua direção e graça, receberemos o Espírito Santo.

Anelo (e suponho que você também) que não apenas falemos do Reavivamento e da Reforma, mas que permitamos que o Espírito nos transforme para que seja realidade em sua e na minha vida; e que ao cumprirmos a missão que Jesus nos encomendou, vejamos em nossos dia o retorno de nosso Salvador.

Feliz sábado, estimado colega. Abraço a sua família e igreja em meu nome e no nome de toda a Associação Ministerial da DSA.