Ministério do Adolescente

União Central Brasileira

Sobre nós

Filosofia

Deus dá à igreja a ordem de alimentar os cordeiros do rebanho (João 21:5) e levar os adolescentes a Cristo (Mc 10:13,14). Comissiona a igreja a evangelizar os adolescentes; fortalecendo-lhes em seu crescimento espiritual com vistas a uma relação de vida com Deus e com a Igreja Adventista do Sétimo Dia.

É importante recordar: “Lembra-te também do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais venhas a dizer: Não tenho neles contentamento” (Ec 12:1).

Todos os membros da igreja têm o privilégio e a responsabilidade de mostrar o amor de Cristo, cuidar e ajudar os adolescentes a construírem um sólido fundamento que lhes permita ter e manter a ótica adventista do sétimo dia através de toda a sua vida.

A instrução de Cristo em Mateus 18:5, 6 e 10 torna a igreja responsável pelas ações, influência e atitudes com relação aos adolescentes. Deus não quer perder nenhum deles. Uma igreja que reflete a atitude de Deus para os adolescentes compreenderá a importância da interação adulto-adolescente e da participação dos adolescentes na igreja. Uma forte conexão com a igreja os protegerá durante a transição à idade adulta e os preparará para futuras funções de liderança.

O departamento do Ministério do Adolescente foi criado para facilitar o aprofundamento da experiência espiritual dos adolescentes; com o fim de atraí-los a uma amizade redentora com Cristo e a um compromisso com a Igreja Adventista do Sétimo Dia que dure toda a vida.

Os adolescentes precisam e gostam de estar em grupos de amigos e ter encontros sociais. Por isso, a igreja deverá oferecer atividades recreativas e sociais, em um ambiente cristão e saudável, onde possam ser desenvolvidas atividades equilibradas e ser compartilhadas boas amizades.

A adolescência é uma etapa de grandes mudanças que podem gerar conflitos, crises existenciais, dúvidas e até rebeldia, por isso a igreja tem que oferecer orientação equilibrada com relação à família, princípios bíblicos, normas da igreja, tempo de noivado e sexualidade, entre outros. A responsabilidade da igreja é orientá-los com a visão bíblica e adventista. Do contrário, serão influenciados pela sociedade enferma que os rodeia.

Objetivo Geral

Facilitar o aprofundamento da experiência espiritual dos adolescentes, com o fim de atraí-los para uma amizade redentora com Cristo e a um compromisso com a Igreja Adventista do Sétimo Dia para esta vida; até o regresso de Jesus.

Objetivos Específicos

  1. Ensinar a teologia com uma metodologia que permita ao adolescente aproximar-se de Cristo.
  2. Ajudar os líderes e os membros da igreja a reconhecerem a importância desta idade e o momento adequado para atrair os adolescentes a Cristo e à Sua Igreja.
  3. Estimular a inclusão dos adolescentes nos programas e atividades da igreja.
  4. Preparar materiais que ajudem os pais, professores e pastores a orientarem os adolescentes ao estudo significativo da Bíblia, com o fim de prepará-los para que possam tomar decisões conscientes, dirigidas pelo Espírito Santo, agora e em anos futuros.
  5. Fazer com que a mensagem bíblica sustentada pela igreja, valores e estilo de vida sejam atraentes para os adolescentes.
  6. Criar espaços para que os adolescentes sintam que têm lugar na missão da igreja.
  7. Promover a leitura da Bíblia.
  8. Preparar líderes que estejam capacitados para trabalhar com os adolescentes.
  9. Trabalhar em estreita relação com outros departamentos da igreja; especialmente Escola Sabatina, Família e Ministério Jovem.
  10. Oferecer atividades recreativas e sociais em um ambiente cristão e saudável.
  11. Desenvolver atividades que orientem os adolescentes no que respeita a família, princípios bíblicos, normas da igreja, tempo do noivado e sexualidade, entre outros temas. O objetivo é dar a eles uma visão bíblica adventista sobre esses assuntos.
  12. Orar pelos adolescentes e seus líderes, amando-os e fazendo-os sentir-se valorizados.

Visão

Preparar cada adolescente para que seja um discípulo de Jesus, tendo uma vida plena e produtiva na terra, tornando-se um cidadão do reino dos céus.